O seu sorriso misturado com forró
É tudo que eu preciso pra cair na sua dança
Você balança jogando o corpo pro lado
Fico louco, alucinado
Querendo lhe conquistar

No rebuliço a sanfona castigando
A poeira levantando
Assim eu vou me acabar
O zabumbeiro na zabumba replicando
E o suor pingando
E eu com ela a xamegar

O sol raiando e eu aqui nesse xamego
Nesse xamego eu vou até o sol raiar
O sol raiando e eu aqui nesse xamego
Seu sanfoneiro toque pra gente dançar

O sol raiando e eu aqui nesse xamego
Nesse xamego eu vou até o sol raiar
O sol raiando e eu aqui nesse xamego
E o sanfoneiro não tem hora pra parar

Vídeo incorreto?