Um gato no azul


Quando era menino, que alegria
Brincar à guerra pela rua,
Pular uma cancela, eu e tu, e depois
Uma maça, a emoção, os olhos teus.

As rosas e o amor, casa minha
E um gato para fazer-nos companhia.
Mas desde quando acabou eu não sei porque
A janela é maior sem ti.

Um gato no azul olha as estrelas,
Não quer voltar pra casa sem ti.
Soubesses aqui que noite bela,
Quiçá se uma grande dor se cancela.

Um gato no azul, eis que tu
Surges do coração, meu caro amor.
Em breve estarás nos olhos meus,
Também esta noite uma lagrima és.

Menina menina, vida minha,
Perfume de tília que vá embora.
Se amar é um erro, culpa minha, porem
Eu no fundo dá vida o que sei.

Um gato no azul olha as estrelas,
Não quer voltar pra casa sem ti.
Soubesses aqui que noite bela,
Quiçá se uma grande dor se cancela.

Um gato no azul, eis que tu
Surges do coração, meu caro amor.
Em breve estarás nos olhos meus,
Lagrima clara de primavera.

Um gato no azul, eis que tu
Também esta noite uma lagrima és.

Um gato no azul, eis que tu
Surges do coração, meu caro amor.
Em breve estarás nos olhos meus,
Lagrima clara de primavera.

Um gato no azul, eis que tu
Surges do coração, meu caro amor.
Em breve estarás nos olhos meus,
Lagrima clara de primavera..

La la la la la
La la la la
La la la la la
La la la la la...