I.
Entre tapas e beijos, é ódio, é desejo
É sonho, é ternura
Um casal que se ama até mesmo na cama
Provoca loucuras
E assim vou vivendo, sofrendo e querendo
Esse amor doentio
Mas se falto pra ela meu mundo sem ela
Também é vazio.

Perguntaram pra mim, se ainda gosto dela
Respondi tenho ódio, e morro de amor por ela
Hoje estamos juntinhos, amanhã nem te vejo
Separando e voltando, a gente segue andando
Entre tapas e beijos

Eu sou dela e ela é minha, e sempre queremos mais
Se me manda ir embora, eu saio pra fora
Ela chama pra trás

Entre tapas e beijos, é ódio, é desejo
É sonho, é ternura
Um casal que se ama até mesmo na cama
Provoca loucuras
E assim vou vivendo, sofrendo e querendo
Esse amor doentio
Mas se falto pra ela meu mundo sem ela
Também é vazio.

II.

O tempo vai, O tempo vem

A vida passa, e eu sem ninguém

Cadê você?, Que nunca mais apareceu aqui

Que não voltou pra me fazer sorrir, e nem ligou

Cadê você? Que nunca mais apareceu aqui

Que não voltou pra me fazer sorrir, então cadê você?

Vídeo incorreto?