Ce tá tão triste...
Ela tão triste...
E por tão pouco nunca desiste
Mas sente raiva, no peito:
angústia
Tá tão difícil mas vai à luta
O pé na estrada
a cabeça longe
Vai além-mar...
Vamo te levantar!

Te levantar! Oi! Oi! Oi!

Cê tá tão puto, quase de luto
Um grito surdo é o que eu escuto
Cara na porta, resposta torta
Na sua cena gritaram: "corta!"
Tapa nas costas
pura ironia,
não vão te parar...
Vamo te levantar!

Te levantar! Oi! Oi! Oi!
Sai da frente! sai do meio!

Cê tá tão triste...
E ela tão triste...
E por tão pouco nunca desiste
Mas sente raiva, no peito:
angústia
Tá tão difícil mas vai à luta...

Rumbora levantar!

Vídeo incorreto?