Ai ladrão, nunca descriminei morô? Jogo de futebol, basquetebol, vôlei, vôlei de praia, natação mais ai, na favela nunca teve isso, interesse antigo.


Inteligente, cuca vai, represente a gente, o jogo é pesado o adversário joga sério entende? zona sul vive com fome, vive honra desanda
peça antes que eu caia se desembaça, a vida faz com que eu possa dominar aqui, quem reza? quem não?
vai em paz, eu puxo um béck e corro atrás,
mano eu vou vivendo sobre a flor gladiador não vou política.

Eu vou chegar tipo um trator, no naipe de um loco desfila,
botar terror é moda o meu som toco endoida,
se o crime vem de mucha, sempre assim não cata a mim honrar meu Brooklin.

Por onde eu passo, tem sempre um mano por mim, canão adora vê na contramão oplês, o resto que viro complô, será que se ligou, o nego vai nasce guerreiro é 100% preto, presenciou, no morram por mim tolice, depois alguém faz nome com seu nome, envolve cientis fuja aqui, por que será?
se ouvesse um bom no crime adivinha onde nós ia me encontrar.

Jamais paguei pra vacila, quer a arrisca? se errar o esqueleto te cata, comigo não truta, a minha meta é uma só, e quem dá festa é Oxalá,ah Juari vamos pular, por que se o homem erra, chicote fio pode estralar, zé polvin o zóio engorda, depois que a casa cai, irei querer te ver na roça, canão borél, vacilo foi céu, conquisto divã, a qualquer hora da manhã, tem parceiros que é o sim, parente e dáI? nas ruas nos tirou de zé resalve.

Sabotis justiça, paz o homem o que stop aonde existe além nem me envolve, o estopim viro complô, será que se ligo? nego velho mais tem que ver é preto,é óbvio que aqui as estatísticas nos diz, na miguelagem ou então já sabe só no sapatinho, jamais irei dar a mim, eu sempre penso assim, quem não pode errar sou eu, que se foda o zé polvinho.

Intensidade na espraiada o crime importa,
falsas ambições e as bitches em sua volta,
na humildade posso até conseguir, aqui remante
Oxalá me guia sempre, permanentemente tem Oxossi,
tem mente, zé polvin tem olho ardente
me lembra que o Naldinho o irmão do louco
opina escureceu cola aprisionado ó parou na porta,
foi tipo essas, não sei se brechas, foi encontrado
alvejado por várias brechas, vou seguir depois
que tirar onda de jaz,
a morte do Eduardo prendedor do loco a mais.

Espécies em extinção mais não com sangue de puton sou Dimas ladrão bom, rodeado dos parceiros desconfiado, intocado na favela eu vejo agora o cata desempenho é só comendo, isso... elemento frio corpo inteiro, o pior que ente saudade engaja mente o loco adorna mente sempre vi de esse cata dava um bréckmente agora o bom flagrante tem a gente quinze, vim do Canão só tenho que escuta vixi o trampo de quebrada fora da quisassa chácara alugada outra função o esperava, algo saiu errado o loco deixo entra, ai Maurin tava embaçado e mesmo então chegado, tudo aqui saiu errado, é só teste um barato aqui não presta sem teclado, vo desliga tô chegando no pedágio.

Vídeo incorreto?