Passo o dia só pensando em sambar
Cai a madrugada fria, eu vou cantar
Quando chego no bar
Ligo o meu violão
Toco um samba-canção
Pra te consolar
Ô, nega!
Nega, vem, me abraça e me beija enquanto eu cantar
Cante meus sonhos, entre no meu olhar
Não fique longe de mim
Nega, oi, nega, oi, ai, meu Deus, bem que podia
A tristeza viver alegria
Pra gente de novo sambar
Ô, nega!

Vídeo incorreto?