Sem compromisso é amor,
Sem compromisso é paixão,
Nas águas do rio-mar eu vou me banhar
Purificar meu coração.

Vou mergulhar
Nesses rios de alegria,
Negro e dourado são as minhas fantasias.
Paris dos trópicos: Manaus se transformou ô ô ô
E a nobreza se vestiu e festejou
Ah “mon amour mon chery”
O teatro amazonas está aqui
Ao coronel da borracha, o europeu enganou
No auge de tanta ambição
Levou a semente deste chão

Se é pra lavar a alma, deixe a tristeza pra lá
E vem fazer chuê, chuá,
São as águas doces de iara a me banhar
Meu pavilhão na avenida abençoar.

Amazonas santuário de beleza
A biodiversidade é minha riqueza
O europeu que tanto cobiçou e levou
Eu vi embarcar, foi daqui pra lá.
Hoje a água vale ouro, é o meu maior tesouro.
A hora é essa! Vamos preservar!
Não deixe a ganância acabar
Com nossos rios, igarapés, lagos e mananciais.
A água é fonte da vida
Não pode secar jamais.

Vídeo incorreto?