Eu te procuro nos momentos mais difíceis
Na incerteza de obter sua atenção
Me perco envolto e desespero sem saber
Se ainda terei lugar em seu coração
Sua maldade me castiga, quase mata
Me rasga o peito e tira o brilho do olhar
Provoca êxtase no corpo e põe de cama
Dá impressão que vai parar o coração
Não vai dar pra segurar a barra
Perdão amor, mas não dá
Vou te procurar mesmo sofrendo
Vou te procurar mesmo morrendo
Não vai dar pra segurar a barra
Se a força desse amor é bem maior
Mais uma vez te peço perdão, amor
Não vai dar pra te esquecer, não dá
Sua maldade me castiga, quase mata
Me rasga o peito e tira o brilho do olhar
Provoca êxtase no corpo e põe de cama
Dá impressão que vai parar o coração
Não vai dar pra segurar a barra
Perdão amor, mas não dá
Vou te procurar mesmo sofrendo
Vou te procurar mesmo morrendo
Não vai dar pra segurar a barra
Se a força desse amor é bem maior
Mais uma vez te peço perdão, amor
Não vai dar pra te esquecer, não dá
Não dá, não dá
Pra te esquecer não dá...

Vídeo incorreto?