Se a casa cair
Deixa que caia
Hoje eu vou amanhecer na gandaia
Trabalho duro pra dá tudo o que ela quer
Mas ela nunca dá valor no que eu faço
Carro de luxo, jóias caras, dei pra ela
Foge de mim quando eu quero um abraço
Fazer amor, ela não quer nem saber,
Já não agüento essa falta de carinho
Hoje eu quero uma mulher pra me amar
Custe o preço que custar
Eu não vou dormir sozinho

O pinhão dá na pinha e a pinha no pinheiro
Arrasta pé dá em Minas em Minas dá mineiro
Uê, uai lá em Minas dá mineiro
E o pinhão dá na pinha e a pinha no pinheiro
Sou violeiro, catireiro e folgazão
Cantador de profissão, viajado como o quê
Vou em Fandango, danço tango
E se tiver um gostoso arrasta pé
Eu danço até o amanhecer
O pinhão dá na pinha e a pinha no pinheiro
Arrasta pé dá em Minas em Minas dá mineiro
Uê, uai lá em Minas dá mineiro
E o pinhão dá na pinha e a pinha no pinheiro
Estou pensando e matutando sobre a Rosa
Uma cabocla formosa, natural de Guaxupé
Já fiz meus planos e até o fim do ano
Com a Rosa eu junto os panos
Vamos ter arrasta pé
O pinhão dá na pinha e a pinha no pinheiro
Arrasta pé dá em Minas em Minas dá mineiro
Uê, uai lá em Minas dá mineiro
E o pinhão dá na pinha e a pinha no pinheiro.

Foi numa festa, gelo e cuba-libre
E na vitrola whisky à go-go
À meia luz o som do Johnny River's
Aquele tempo que você sonhou
Senti na pele a tua energia
Quando peguei de leve a tua mão
A noite inteira passa num segundo
O tempo voa mais do que a canção
Quase no fim da festa
Num beijo, então, você se rendeu
Na minha fantasia
O mundo era você e eu
Eu perguntava Do You Wanna Dance?
E te abraçava Do You Wanna Dance?
Lembrar você
Um sonho a mais não faz mal