Eu fui num baile na casa de um amigo meu,
Que só tinha vinho quente, mulher feia e plebeu!
Tomei um porre e saí pra passear,
Sem ter noção num baile gay eu fui parar...

E do meu lado apareceu uma loiraça,
Oferecí uma cerveja, ela pediu uma cachaça...
Eu perguntei se ela queria um pastel,
Ela então me convenceu: - vamos logo pro motel!

Ai,ai,ai a esmola é demais!
Será que é um homem de "pacote" e tudo mais?
Ai,ai,ai, eu não quero nem pensar
que na hora de comer, eu também vou ter que dar!

Bem animado eu caprichei no meu chaveco,
Só não sabia que a menina era um traveco!
E o volume que eu ví lá na calcinha,
Juro pensei que era o tamanho da danadinha!

Tirando a roupa ai que susto que eu levei:
A mina tava armada de pistola - eu pensei...
Liguei a luz, saltei de banda: - que horror!
Pois quando olhei pra ela, "aquela coisa" levantou!

Ai,ai,ai o que eu estou fazendo aqui?
Eu mal entrei no quarto e estou louco pra sair!
Foi então que a vagabunda me falou:
Eu só quero é colocar óleo no seu motor!

Vídeo incorreto?