Papai Noel
Não sobe na favela
O morro também
Tem garotada
Eu botei o meu tamanco
Na janela, e de manhã
Não tinha nada

Patinete lá no morro
É um cabo de vassoura
E tampa de goiabada

E é assim
Que vai crescendo
O cidadão
Vendo morrer
Ilusão sobre ilusão

Você condena
Sem pedir perdão ao céu
É triste um garoto pobre
Crescer sem Papai Noel

Vídeo incorreto?