Ao olhar o teu rosto tão sereno percebi teu semblante de ternura, ó Mãe.
Tu és o dom do Pai e veio por tuas mãos a Paz.

Ao olhar o teu rosto tão sofrido percebi o teu coração ferido, ó Mãe.
Tu recebeste a dor de um Deus que numa cruz se entregou.

Vem me ensinar a me unir ao teu Filho, como tu.
Ó Mãe do Amor, me une a dor do teu Filho que morreu por tanto amar.

Vídeo incorreto?