Pôr do sol, 1989


Você nunca me ouviu bater à porta
Eu encontrei você enrolado em seu assoalho do banheiro
Você me disse tudo em sua defesa
E nunca entendeu as conseqüências
Eu não vou te consolar, quando você tem o controle, sempre é a última vez, mas eu sei que você vai ir e fazer isso de novo.
Sim, você vai fazê-lo novamente.

Havia uma auréola descansando acima de sua cabeça
Que deslizou para baixo em torno de seu pescoço
E eu aposto que você pensou que eu nunca ia descobrir
Porque você acha que você é tão inteligente.

Novamente e novamente e novamente, você vai fazê-lo novamente e novamente e novamente.

Então, agora estamos todos crescidos e estabelecidos
E você é a única que está vivendo nessa cidade fantasma
Tentamos manter contato, pelo menos fingir
Eu sei que nós vamos sempre ser apenas 'amigos das boas horas', até o fim
Se há uma causa, ela já está perdida, porque eu tentei pela última vez e você me jogou de lado novamente
Mas isso não vai acontecer novamente ...

Havia uma auréola descansando acima de sua cabeça
Que deslizou para baixo em torno de seu pescoço
E eu aposto que você pensou que eu nunca ia descobrir
Porque você acha que você é tão inteligente.