tradução automática

Resultado


Peço desculpas por ter esperado para lhe dizer por tanto tempo
Eu não sou humano
Eu sou feito de bacon
Os contos de fadas, pó de pirlimpimpim, eu não me sinto
Eu mesmo pendurado, eu não morri, eu sou onipotente
Eu estou vivo, não é real, eu estou vivo

Você me deixa descuidado
Eu gosto disto
Eu gosto disto

Apanhados na explosão, preso na ação
Pego em uma chama estourando
Há conforto na morte
Conforto na queima

Talvez devêssemos gravar
Talvez devêssemos gravar
Talvez devêssemos gravar
Talvez devêssemos gravar
Queimar

A dúvida que eu nunca vou ser bebê de ninguém
Viver como um unicórnio, ele fica tão solitário
Não tenho respostas, eu não tenho dúvida
Preso em seu conjunto
Calor que vale a pena em pé
Eu gosto disto

Apanhados na explosão, preso na ação
Pego em uma chama estourando
Há conforto na morte
Conforto na queima

Talvez devêssemos gravar
Talvez devêssemos gravar
Talvez devêssemos gravar
Talvez devêssemos gravar
Queimar

Eu posso sentir os acidentes acontecendo lentamente
Caindo para o arrebatamento sempre tão corajosamente
Eu vou de bom grado
Você não tem para sequestrar, eu gostaria de ser sequestrado

Você me deixa descuidado
Eu gosto disto
Eu gosto disto

Talvez devêssemos gravar
Talvez devêssemos gravar
Talvez devêssemos gravar
Talvez devêssemos gravar
Queimar

Eu duvido que eu nunca vou ser bebê de ninguém