Eu olho pra você e vejo a gente pela vida afora
Nada foi tão fácil nem tão pouco delicado agora
Parece que o amor cresceu
Num quarto a apertado
O amor é infinito no espaço
De qualquer metro quadrado
Toda velocidade, todo mundo , tudo vai embora
Na vida a jato tudo voa solo, tudo soa fora
Viver é complicado
É não passar batido
O amor é elevado ao espaço de qualquer metro quadrado
Você e eu ... eu e você Eu e você
Você e eu ... eu e você Eu e você

Eu olho pra você e vejo a gente pela vida afora
Nada foi tão fácil nem tão pouco delicado agora
Parece que o amor cresceu
Num quarto a apertado
O amor é infinito no espaço
De qualquer metro quadrado
Toda velocidade, todo mundo , tudo vai embora
Na vida a jato tudo voa solo, tudo soa fora
Viver é complicado
É não passar batido
O amor é relevado ao espaço de qualquer metro quadrado
Você e eu ... eu e você Eu e você
Você e eu ... eu e você Eu e você
Você e eu ... eu e você Eu e você
Você e eu ... eu e você Eu e você

E seja como for
O espinho e a flor
Pra sempre... pra sempre
E seja como for
O espinho e a flor
Pra sempre... pra sempre

Vídeo incorreto?