Passei muito tempo acreditando
Nos meus sonhos normais,
Fiquei acordado várias noites
Pensando em alguém

Mais eu não posso
Ficar escondendo
Meus sonhos, meus tormentos.
Mas eu não posso
Ficar me escondendo
Por trás desse medo de amar

Não acredito em contos de fadas
Mas passei a viver
Nesse mundo irreal,
Não acredito em fábulas
Mas passei a perceber
Que a vida pode ser
Uma eterna jogada.

Mas não queria dizer
Meus olhos em lágrimas...
Não posso me conter
Eu não acredito em mais nada

Tantas ilusões
Fúrias e decepções
Por nada, nada...nada.

Vídeo incorreto?