Joãozinho menino pobre numa escola do sertão.
Levou para o seu recreio um pedacinho de pão.
Um outro menino rico só pra fazer judiação.
Tomou-lhe aquele pão duro e disse por gozação.
Isso é comida de porco e rindo atirou no chão.

Quando Joãozinho cresceu foi estudar para padre.
Entrou para o seminário enquanto em sua cidade.
O pai do menino mau perdeu as propriedades.
Morreu na extrema miséria passando necessidade.
Seu filho ficou vivendo de esmola e caridade.

Um dia o padre Joãozinho pra sua terra voltou.
Num domingo após a missa o sacristão lhe chamou.
Que um mendigo agonizante fora da igreja tombou.
O padre foi ver quem era e logo identificou.
Que aquele era o menino que um dia o seu pão pisou.

Padre Joãozinho falou ao lhe dar a extrema-unção.
Quem pisa o pão pisa Deus porque a hóstia é pão.
Que leva o corpo de Cristo na sagrada comunhão.
O pão que agora recebe leva contigo o perdão.
Pra que sua alma no céu possa encontrar salvação.

Vídeo incorreto?