São quatro horas da manhã bate o relógio
A noite foi sem que eu pudesse adormecer
Um novo dia vem surgindo no horizonte
E eu ainda estou chorando por você

É grande a dor que sinto agora neste instante
Não compreendo porque sofro tanto assim
Meu Deus do céu eu lhe pergunto porque que é
Que eu fui gostar de alguém quem não gosta de mim

Amargurado vou seguindo meu caminho
Sempre sozinho sem saber mais o que faço
Quando à tardinha o sol esconde então eu choro
Só de lembrar que você vive em outros braços

Dentro da noite no silêncio do meu quarto
A minha lágrima me causa desespero
Choro baixinho sufocando minhas mágoas
Enxugo o pranto na fronha do travesseiro

Não me conformo em viver assim sozinho
Mas vou seguindo seja lá o que Deus quiser
Não sei porque não esqueço esse amor
Não sei porque eu fui gostar dessa mulher

Vídeo incorreto?