Borboletas multicores, tão gentís beijando as flores
Que enfeita o meu sertão (Que enfeita o meu sertão)
Lembram a frivolidade, de quem pensa na cidade
Onde impéra a ilusão (Onde impéra a ilusão)
Céu e campo e natureza, abençoam a riqueza
Deste amor que Deus nos deu (Deste amor que Deus nos deu)
Neste céu aqui na terra, vejo um rancho ao pé da serra, e nós dois, você e eu

O meu rancho é como um ninho, feito num jardim em flor
Paraiso de carinho, saúde, paz e amor

Começando da porteira, tem um mastro, uma bandeira
De são Pedro e são João (De são Pedro e são João)
Na varanda muito alva, tem jasmin, avenca e malva
E tambêm manjericão (E tambêm manjericão)
Pode alguêm achar grotesco, mas eu acho pitoresco
Meu ranchinho ao pé do ipê (Meu ranchinho ao pé do ipê)
Bem parece um céu aberto, mas pra mim é um deserto Se me falta ter você

O meu rancho é como um ninho, feito num jardim em flor
Paraiso de carinho, saúde, paz e amor.

Vídeo incorreto?