Oh! Jesus quando te contemplo eu redescubro a sós contigo,
Que te amo e que o teu coração me ama como a um dileto amigo,

Ainda que a descoberta exija coragem, faz-me bem a dor contigo,
Que por ela me assemelho a ti, que ela é o caminho redentor.
Na minha dor me rejubilo, já não a julgo sofrimento e sim,
Predestinada escolha que me une a ti,

Deixai-me pois nesta quietude, malgrado o frio que me alcança,
Presença humana não permitas,
Que a solidão já não me cansa, pois de mim, sinto-te tão próximo,
Como jamais antes senti...
Doce Jesus, fica comigo, que tudo é bom perto de ti.
Doce Jesus, fica comigo, que tudo é bom perto de ti.

Vídeo incorreto?