Quando o povo de Deus saiu do Egito,
Caminhando com destino a Canaã.
Os corações estavam aflitos,
Se alegraram depois, com Miriam.
Depois, que eles viram de manhã,
Os soldados, mortos, na água fria,
A irmã de Moises se exibia,
Porque deus exaltou o seu poder.
Na presença de deus, eu posso ver a tristeza,
Saltando de alegria.
Outro grande milagre aconteceu, na cidade,
Chamada: Jericó, com o homem, que vivia tão só,
Cujo nome, chamava bar ti meu.

Era um cego pedinte, era um plebeu,
Que desejava ver a luz do dia.
Toda a multidão lhe repreendia, mas,
Jesus chegou para lhe atender!
Na presença de deus,
Eu posso ver a tristeza saltando de alegria!
O senhor usou Pedro e João,
Para fazer uma obra maravilhosa,
Quando subiam para a porta formosa,
Eles iam. Para o culto de oração!

Um aleijado, que estava ali no chão,
Que sofria de uma paralisia,
Porém prata com Pedro, não havia.
E os milagres do céu. É para quem crer!
Na presença de deus,
Eu posso ver a tristeza saltando de alegria!

Em b e t e s b a, havia uma piscina,
Onde havia enfermos pra todos os lados,
Muitos estavam na fila da rotina,
Quem entrasse primeiro era curado!
Pois ali havia um aleijado,
Que há trinta e oito anos sofria que o jogasse na água,
Não havia, mas Jesus chegou para socorrer!
Na presença de deus,
Eu posso ver a tristeza saltando de alegria!
Jesus cristo estava no deserto,
E com ele uma grande multidão,
Porém não existia ali por perto,
Um hotel que lhe desse, refeição.
Dois peixinhos e um pouco de pão.
Era esse o alimento que havia,
Pois Jesus pegou essa iguaria,
Ele pôs todo mundo pra comer!
Na presença de deus,
Eu posso ver a tristeza saltando de alegria!

O senhor estava num casamento,
Com discípulos, ele não estava sozinho,
Quando houve problema no momento,
E Maria lhe disse: faltou vinho!
Sua mãe lhe falava com carinho,
Para ver se o milagre, ele fazia,
Transformando a água com alegria, outra vez,
Começaram a beber.
Na presença de deus,
Eu posso ver a tristeza saltando de alegria.
Em Betânia, outro fato aconteceu,
É assim que a história nos traduz,
Diz a bíblia que lazaro morreu,
E ele era amigo de Jesus! Veio à morte,
Apagou a sua luz, entristecendo a marta e Maria,
Cheira mal era o que ela dizia, mas o mestre fez.
Ele reviver! Na presença de deus,
Eu posso ver a tristeza saltando de alegria!

Em Ga. da Ra havia um pobre homem,
Era triste a sua situação,
Quando Jesus perguntou o seu nome,
Ele disse: eu me chamo: legião.
O senhor estendeu a sua mão,
Os demônios a Jesus obedecia!
E em uma manada de porcos que havia,
Eles entraram e saíram a correr!
Na presença de deus,
Eu posso ver a tristeza saltando de alegria!
Uma mulher que vivia na aflição,
Com um câncer que tinha sangue e pus,
Mas ouvindo, ela falar de Jesus.
Resolveu enfrentar a multidão!
Basta só tocar com a minha mão,
Era isso que a mulher,
Queria quem me tocou era o que Jesus dizia.
Pois de mim, eu senti, sair poder
Na presença de deus,
Eu posso ver a tristeza saltando de alegria!

Quando ele estava lá na cruz,
Dois ladrões que estavam ao seu lado.
Tinha um que zombava de Jesus,
E o outro estava humilhado.
Suplicava assim o condenado:
Pois te lembras de mim.
Ele dizia, e Jesus lhe falou com garantia:
Ainda hoje eu estarei com você!
Na presença de deus,
Eu posso ver a tristeza saltando de alegria!

Vídeo incorreto?