Eu peguei na pena para escrever
lá pro meu benzinho, que em Campo Grande eu deixei ficar.
Coração no peito só faltou falar:
Não perca seu tempo, escrever pra quem vive a lhe enganar.

Não acreditei, quis ter a certeza.
No dia seguinte pra Campo Grande eu fui parar.
Onde ele mesmo veio me falar:
Você veio tarde, já tenho outra no seu lugar.

Ai, quanta ingratidão,
aquela marvada feriu de morte meu coração.(bis)

Vídeo incorreto?