Por que não me disse logo, ingrata
Que seu amor era falso para mim
Teria esquecido logo seus beijos
E hoje não sofrias assim

Você quis apaixonar-me primeiro
Para depois me deixar a sofrer
Hoje neste abandono sozinho
Sem teu amor prefiro morrer

Por que, por que
E hoje me dá o desprezo, por que
Por que, por que
Agora não sei viver sem você

O amor é igual a um pé de roseira
Depois de criar raiz não sai mais
Saem os suspiros longos do peito
Porém este amor profundo não sai

Por que deixou este amor crescer tanto
Para depois deixar-me assim
Hoje sou como pobre andorinha
Voando por este mundo sem fim

Por que, por que
E hoje me dá o desprezo, por quê?
Por que, por que
Agora não sei viver sem você?

Vídeo incorreto?