Livre como um beija-flor
Batendo asas pra voar
Longe assim do meu amor
Como é triste te esperar (bis)

Meus olhos choram como cachoeira
Lavando a alma do sertão
Meu pranto leva dó a quem me vê
Acanhado está meu coração

Saudades dos luares prateados
Vontade de voltar no tempo
Momentos que o vento não trouxe pra cá
Farei tudo pra reencontrar
Foram léguas e léguas traçadas em vão
Segui um atalho, eu e a solidão
Por esse caminho eu não fui feliz
Pois um grande amor tem a sua raiz

E o que faz o beija-flor
Bate asas sem cansar

Bebe o mel da pureza do amor (bis)
Vive assim um beija-flor (bis)

Vídeo incorreto?