Guardo quase tudo que não quero
Quero tudo que não tenho
Tenho só o que me resta ter

Ando pois me convém mover
Ouço o que as coisas
Vão tentando me dizer

Ele mal sabe fingir
Que ele não quer mais
Se preocupar

Ele nem sabe aonde ir
Ele não quer mais
Se guardar

Acho palavras no chão
E leio frases
Na palma de sua mão

Vejo livros em tijolos
E bibliotecas
Em construção

Vídeo incorreto?