Você,
Invadiu meu rádio
Aparelho vagabundo
Em sintonia o dia inteiro
Na mesma estação
Bandida
Assaltou minha ilha tranquila
Expulsou os corsários da minha ilharga
Com navalhas e canhões
Libertou da prisão meu coração pirata
Me atirou à sorte incerta das correntes
À navegação que fez da minha tristeza
Um náufrago

Vídeo incorreto?