Do fogo das trevas, Satanás quer vomitar
A dança do pentagrama agora eu vou te ensinar
Mãozinhas pra cima, carinha de malvado
A dança do pentagrama é a moda do diabo

Corta os pulsos, desenha o pentagrama
Acende as velas pretas porque Satanás te ama
Pode ser Satã, Belzebu ou Ferrabrás
O que importa é o demônio, seu nome tanto faz
Sapo morto, com a boca costurada
Invoca o cramunhão nessa tal de encruzilhada
Galinha preta, com pinga de do mal
A dança do pentagrama é desgraça de geral.

Pare! O demônio se faz presente nesse bonde malévolo. A desgraça é trazida a nós pelo cabrito satânico. Quero ver os Bréqui Mérou com a mãozinha pra cima e adorando o cramunhão.

Satanás impera nessa data desgraçada
Com Emperor ou Burzum, a cabra preta é invocada
Eu vi Jesus Cristo, morto e crucificado
Na bosta de Satã ele tava afogado
Ave Maria, cheia de graça
Dá um tiro de escopeta nessa santa de bagaça
Mãe de Jesus, eu tirei o seu cabaço
Com um martelo de pedreiro preso num cabo de aço

Vídeo incorreto?