Continuo caminhando
para o expresso do infinito
e da invencibilidade
perdendo minha idade
contra minha vontade
vejo minha juventude
se deteriorar

Refrão [1] --- 2x
Caminhando para o infinito!
Más ainda não alcançei meu objetivo!

Caminhando pelo real
e ao mesmo tempo
pensando no surreal
Dê forma intensa,
submeto minha cabeça

Refrão [2]----- 2x
Viajando pelo litoral do infinito!
E ainda mal alcançei o finito!

Não há atalho
para o maldito
do infinito
e ao contrário do que você pensa
a circunstância não deixa
você alcançar seu objetivo,
seu destino,seu infinito,
seu finito e seu mérito.

Refrão [1]
Refrão [2]