Sangue e Cruz
Quem já chorou já sabe amar,
Sabe que o pranto é uma forma de cantar
O amor é paz e temporal
É calmaria é também é vendaval
Ele é transcendental

O amo é luz e escuridão
É ter alguém é solidão
O Deus poder que fez a luz
Sentiu que o amor é sangue e cruz

Quem se escondeu na solidão
Sentiu na pele que o amor é união
O amor é pranto é sorrir
É precipício é este tão alto ao
Ponto de tocar o céu

O amo é luz e escuridão
É ter alguém é solidão
O Deus poder que fez a luz
Sentiu que o amor é sangue e cruz

Morte ou vida presente ou futuro
Paralelos tão confusos de entender,
Mas certo eu estou de que nem os próprios anjos
Poderão nos separar do amor de Deus

O amo é luz e escuridão
É ter alguém é solidão
O Deus poder que fez a luz
Sentiu que o amor é sangue e cruz

Vídeo incorreto?