Eu sonhei que via você
Me seguir e conhecia algo novo,
Um mundo surreal.

Via tudo indo e vindo
Mais rápido que um riso
Forçado e sem motivo
Difícil de compreender

Eu enlouqueço ao te ver passar
Fico segundos sem respirar
Os versos surgem, mas a voz se vai
Você segue, isso fica pra trás
Tudo o que eu quero é não te esquecer
Pois haja tempo para acontecer
Mas será o mesmo que ocorre a você
O fim do mundo é o meu clichê.

Tão piegas.

Eu sonhei que via você
Não se omitir e dizer o que pensa
Teorias reais.

Seu mundo sem compromisso
Não é algo infinito
A roda não gira em seu torno
Quando vai perceber?

Eu enlouqueço ao te ver passar
Fico segundos sem respirar
Os versos surgem, mas a voz se vai
Você segue, isso fica pra trás
Tudo o que eu quero é não te esquecer
Pois haja tempo para acontecer
Mas será o mesmo que ocorre a você
O fim do mundo é o meu clichê.

Vídeo incorreto?