Se a gente falasse menos
Talvez compreendesse mais
Teatro, boate, cinema
Qualquer prazer
Não satisfaz

Palavra figura de espanto
Quando na terra tento
Descansar

Se a gente falasse menos
Talvez compreendesse mais
Teatro, boate, cinema
Qualquer prazer
Não satisfaz

Palavra figura de espanto
Quando na terra tento
Descansar

Mas o tudo que se tem
Nao representa nada, nada
Tá na cara que o cara
Tem seu automóvel

Mas o tudo que se tem
Nao representa nada, nada
Tá na cara que o cara
Tem seu automóvel

Mas o tudo que citei
Não representa tudo
Talvez o puro conteúdo
É consideração

Quem não vê
Não goza
De consideração!
Quem não vê
Então sai
A consideração!

Uêh! Quinhão...

Se a gente falasse menos
Talvez compreendesse mais
Teatro, boate, cinema
Qualquer prazer
Não satisfaz

Palavra figura de espanto
Quando na terra tento
Descansar

Se a gente falasse menos
Talvez compreendesse mais
Teatro, boate, cinema
Qualquer prazer
Não satisfaz

Palavra figura de espanto
Quando na terra tento
Descansar

Mas o tudo que se tem
Nao representa nada, nada
Tá na cara que o cara
Tem seu automóvel

Mas o tudo que se tem
Nao representa nada, nada
Tá na cara que o cara
Tem seu automóvel

Mas o tudo que citei
Não representa tudo
Talvez o puro conteúdo
É consideração

Quem não vê
Não goza
De consideração!
Quem não vê
Então sai
A consideração!

Uêh! Qüinhão...

Vídeo incorreto?