Eu falo
Pela boca de todas as mães
Que acordam
de noite assustadas
Sem saber o futuro dos filhos
Diante das facilidades
Se a tevê
Já não tem mais censura
E nossos ídolos
levantam bandeiras
Que arrastam os jovens
Pela estrada do vício
Da ilusão e do sonho

Ninguém vê
Que os jornais e as revistas
Só nos mostram os crimes
De total violência
E a conseqüência
da dependência
Desta droga maldita
Contra a humanidade.

Eu falo
Pela boca de todos os jovens
Que acordam um dia assustados
Sem saber porque se perderam
Diante das facilidades
Se eles vêem
Que ninguém mais os censuram
E os seus ídolos
permanecem calados
Aos que arrastam os jovens
Pela estrada do vício
Da solidão e do medo
Pois eu falo
Em nome dos jovens
Que um dia partiram
Ou se perderam
Na experiência
na total dependência
Sem saber que a viagem
Quase nunca tem volta

Procura-se
O que matou nosos jovens
(Aracelli)
Procura-se
Aquele som de batera
(Vítor Manga)
Procura-se
O que drogou nossos ídolos
(Jimi Hendrix)
E continua
a matar tanta gente
Procura-se
Recompensa-se bem
O que assassinou
Cláudia Lessin e Janis Joplin.


OBS.: CD Vanusa
20 Supersucessos.

Vídeo incorreto?