Eu ainda te procuro
No claro, no escuro
Nos lugares
seguros ou não

Eu ainda te procuro
Com olhos de águia
Com o faro
agudo de cão

Eu ainda te procuro
De uma forma sobre-humana
Nas cartas da cigana
Ainda estás nas minhas mãos
E uma chance dessas
não se perde assim
Já é hora de eu gostar
mais de mim

Eu ainda te procuro
Porque és a minha cara
Um bem que não cortei pela raiz

Eu ainda te procuro
Pelo amor, pelo futuro
Me recuso a desistir
De ser feliz!
De ser feliz!

Eu ainda te procuro
De uma forma sobre-humana
Nas cartas da cigana
Ainda estás nas minhas mãos
E uma chance dessas
não se perde assim
Já é hora de eu gostar
mais de mim

Eu ainda te procuro
Porque és a minha cara
Um bem que não cortei pela raiz

Eu ainda te procuro
Pelo amor, pelo futuro
Me recuso a desistir
De ser feliz!
De ser feliz!

De ser feliz!
De ser feliz!
De ser feliz!

Vídeo incorreto?