Se acaso a noite vier
E te encontrar tão só
Sem mim, sem som, silêncio,
Em teu mundo só
Sem quem sempre velou
Teu sono e sonho
Tão fácil é lembrar
que o tempo já passou por nós
E eu também sem bem,
sem som, sem tua voz.
Sem tempo pra viver
o nosso tempo antigo

E o som daquele toca fitas
Toca sem cessar
Canções que eu guardei
Sem nunca imaginar
Pudesse afastar
de mim Sonhos Comuns
Mas eu não posso
me entender voltando
para trás
Se tudo é triste
É também tarde demais
E o sonho se desfez
O tempo já passou
E novamente a noite
Está chegando em nós!

E o som daquele toca fitas
Toca sem cessar
Canções que eu guardei
Sem nunca imaginar
Pudesse afastar
de mim Sonhos Comuns
Mas eu não posso
me entender voltando
para trás
Se tudo é triste
É também tarde demais
E o sonho se desfez
O tempo já passou
E novamente a noite
Está chegando em nós!


OBS.: Integra o elepê Vanusa
Sonhos de Um Palhaço - 1974.
CDs: Vanusa Grandes Sucessos
e E-Collection - Sucessos e
Raridades - 2003 - 2 CDs.

Vídeo incorreto?