Calúnia, desordem, ambição
Injustiça, preconceito, medo, prostituição
Distúrbios, crença, desrespeito, solidão
Carência, maus tratos, destruição
E a consciência que devemos ter
Talvez nos levará a mais uma ciência
Que tentará nos explicar por quê
Tudo o que fazemos gera a violência

Denúncia, contrabando, marginais
Tragédias tomam as primeiras páginas dos jornais
Dor, pecado, ganância, difamação
Sempre chamam mais a atenção
E o que fazer no meio de tanta exploração
A não ser lutarmos juntos como irmãos

Difícil encarar o nosso dia a dia
Mais ardo ainda cultivar nossas famílias
E respeitar o espaço de cada um
Não desmerecendo os limites de nenhum

A consciência nos fez concluir
E dar maior valor a convivência
E o amor gerado fará evoluir
Resgatando toda a mais pura essência
E a cada dia uma flor irá florir
No meio de tantos espinhos
E aos poucos estas flores cultivarão
Unindo todos num só caminho

Amor, confiança, dedicação
Respeito, fé, esperança, educação

Vídeo incorreto?