Irmão, eu noto em teu rosto
A sombra do desgosto
As rugas do amargor
Oh irmão, viestes de tão longe
De terras tão distantes
Aos braços do Senhor!

Jubila irmão, Jubila irmão
Pois é chegada a salvação
Iremos nós para e morar
Lugar chamado redenção

Irmão, chegaste tão cansado
Da casa do pecado, cidade tão cruel
Oh irmão, o povo sorrindo
Sauda-te bem-vindo a casa de Israel

Jubila irmão, Jubila irmão
Pois é chegada a salvação
Iremos nós para e morar
No Lugar chamado redenção,
Redenção, redenção, redenção, redenção...

Vídeo incorreto?