Oh vida boa, casei com a liberdade, to rindo a toa.
Tô rindo a toa, melhor que isso é dois disso, oh vida boa.

Eu não quero mais casar, isso é coisa do passado.
O negócio é ficar, o melhor é ser amado.
Não remo contra a maré, nem vou contra a correnteza.
Eu só quero quem me quer e como o que tiver na mesa.

Oh vida boa, casei com a liberdade, to rindo a toa.
Tô rindo a toa, melhor que isso é dois disso, oh vida boa.

Casamento é complicado, tem ciúme, tem intriga.
Se casar eu to ferrado, tem cunhado, sogra e briga.
Eu preciso é ser feliz, pois a vida é passageira,
O que é bom eu quero bis e o que é ruim vai pra lixeira.

Oh vida boa, casei com a liberdade, to rindo a toa.
Tô rindo a toa, melhor que isso é dois disso, oh vida boa.

Quero sombra e água fresca, jornal sem letra pra ler,
Um sapato bem folgado, muito nada pra fazer.
Sou dono do meu terreiro, aqui eu canto de galo,
Ninguém sobe em meu poleiro, assino embaixo por tudo o que falo.

Oh vida boa, casei com a liberdade, to rindo a toa.
Tô rindo a toa, melhor que isso é dois disso, oh vida boa.

Vídeo incorreto?