Velha Gaita de Blues

"Dia azul
Como outro qualquer
Pegando a parafina
Analisando a maré

Me revoltar
Não sei pra que
Me magoar
Eu não tenho o porque

Mar azul e eu não perco a minha fé
Prossigo firme sem engatar a marcha ré
Eu vou pegando a velha gaita de blues
Entoando uma canção ao descansar da luz

E assim que o sol se pôs
As nuvens anunciavam o que viria depois
Vou lhe contar um velho segredo
Hoje vem a tespestade eu nao tenho medo".

Vídeo incorreto?