Estranhos


Eu pressionei meu ouvido ao seu peito
E ouvi algo pessoal
Um sussurro que sabia o meu nome.
É assim que o seu coração trata todos os estranhos?
Com amor e carinho?
Então eu sinto frio e vazio

Eu tenho um senso de urgência
Eu tenho que fazer isso acontecer.
Nenhuma pedra sobre pedra

Eu tenho um senso de urgência.
Eu tenho que fazer algo acontecer.
Nenhuma pedra sobre pedra

Eu segurei sua mão enquanto você estava dormindo
A noite inteira você apertou a minha.
Um aperto que me implorou para ficar
É assim que seus membros tratam todos os estranhos?
Com amor e carinho?
Então me sinto fraco e vazio

Eu tenho um senso de urgência
Eu tenho que fazer isso acontecer.
Nenhuma pedra sobre pedra

Eu tenho um senso de urgência
Eu tenho que fazer algo acontecer.
Nenhuma pedra sobre pedra

Estranhos não escondem
Que a manhã te persegue até o fim
E não há nada mais estranho
Do que amar alguém

Estranhos não escondem
Que a manhã te persegue até o fim
E não há nada mais estranho
Do que amar alguém

Eu ouvi a batida da água em sua pele
Um banho de disciplina, tão pesado como o ferro
E imaginei a mão que apertou a minha
Agora segurando as lacunas nas telhas
Apenas segurando firme