Vou levar o meu forró pras ruas do estrangeiro
Vou mostrar ao mundo inteiro como se dança o baião
A sanfona, o agogô, trianguista e zabumbeiro
O mundo vai virar terreiro de uma festa do sertão
E vou cantar xaxado, baião e xote
Não vai restar um cangote sem cheiro nesse fuá
E ao escutar as canções de seu luiz
A galegada feliz vai se danar a dançar
Vou levar o meu forró ...
Nas esquinas das 'oropa', nas latadas do universo
Vou levar baião e verso pras veredas desse mundo
Inventando juazeiros e pés de mandacarus
Sertões e caruarus, no meu baião vagamundo
E vou cantar xaxado, baião e xote
Não vai restar um cangote sem cheiro nesse fuá
E ao escutar as canções de seu luiz
A galegada feliz vai se danar a dançar
Vou levar o meu forró ...

Vídeo incorreto?