Eu sou um índio e na minha aldeia eu nasci
Tudo que eu sei foi lá que eu aprendi
Não me convença da tua falsa ilusão
Pois não compartilhamos da mesma visão
Só eu que sei das coisas que eu sofri
Você se apossou da terra que eu descobri
Então me deixe em paz então

E nesses anos me obrigaram a aprender
As tuas leis que eu não consigo entender
Eu vejo as tuas guerras na televisão
As consequências da tua estúpida ambição
Minha vitória é conseguir sobreviver
Se paro pra pensar eu não consigo me conter
Então me deixe em paz então

Vídeo incorreto?