Não me negues vento
Onde anda o meu amor
Que numa brisa foi embora
E ainda não voltou

Tenho medo vento agreste
Que no sopro pro além ar
O meu bem tenha se ido
E não saiba mais voltar

Vou fazer uma jangada
Que navegue pelo vento
E desbravar os sete ares
Que nos céus estão suspensos

Pois se ela estiver nas nuvens
Perdida no firmamento
Vou seguir meu astrolábio
E encontrá-la a qualquer tempo

Vou fazer uma jangada
Pelo o ar eu vou
Desbravar os sete ares
Prá encontrar o meu amor

Vídeo incorreto?