Nasceram para brilhar,
E fazer o povo feliz,
Eles são filhos do nordeste
Um do sertão, outro do agreste,
O nome deles é Luís.


Luís que vem de luz
Que brilha na escuridão
Que vem de uma estrela
No chapéu de couro e gibão
Luís que vem de luz
Que brilha na escuridão
De uma estrela solitária
No meio da multidão.

Luís Gonzaga cantou o baião
Mostrou para mundo como é o sertão,
Luís Inácio político decente
Mudou a história da nossa nação

Vídeo incorreto?