Eu me perdi muito tempo
Dizendo bobagem, fazendo bobagem também
Eu gritava tão alto e não pintava ninguém, ninguém
Mas como toda laranja cortada no meio é feita de duas metades
Eu tinha certeza que um dia eu ia encontrar alguém
Enquanto isso eu fumava e bebia e quebrava a cabeça
Batendo a cabeça nos muros
Eu deixei tanto furo que já nem dá prá entender, não, não, não
Mas você veio de longe, pisando mansinho, dizendo umas poucas verdades
Que eu hoje em dia só tenho olhos prá você
E você é o meu Exército da Salvação
Meu guarda-chuva
O melhoral pra essa dor de cabeça, minha estrada pro paraíso
Meu salva-vidas
O meu juízo final, minha ressurreição, meu exército da salvação

Vídeo incorreto?