Quantas dores, penso que não vou resistir
Quantas lutas, penso que não posso vencer
Mas é na fraqueza que se aperfeiçoa o poder
Dependo de ti, ó Deus, vem me socorrer

Salvador, Libertador
Salvador, Libertador

As muralhas tentam me impedir de enxergar
Os grilhões tentam amarrar meu viver
Mas é na fraqueza que se aperfeiçoa o poder
Dependo de ti, ó Deus, vem me socorrer

Salvador, Libertador
Salvador, Libertador

Elevo os meus olhos te dou o meu coração
O Cristo Vivo venceu a morte
Só quem vive, vence a morte

Vídeo incorreto?