Serenos, no chão caídos
Pequenos gotas de vida...
Brotando, crescendo mais e mais,
Formando paisagem florestais

Coro
São sementes, que caíram em boa terra,
Frutificando em muitas direções,
São sementes que eu comparo à Graça Santa
Que Cristo panta, em nossos corações

Humildes, são as sementes,
Lançados, no chão assim...
Se caem, no solo certo,
Desertos, transformam-se em jardins...

Um dia, o peregrino
Divino, saiu a semear...
Segundo o seu destino
Mãos cheias, de grão a espelhar...

Vídeo incorreto?