Eu vou cortar o poste de baal,
Atropelar a Jezabel com meu cavalo
Lançar a pedra na cabeça do Golias
E lutar a cada dia contra essa idolatria
Eu quero ver a Babilônia despencar
E a fornalha não queimar
Aquele que só serve a Deus
O mar aberto, nosso povo a passar,
Faraó a se afogar no meio do mar vermelho.

Na minha vida dei um chute na heresia,
Houve tanta gritaria de quem ama a idolatria
Eu lhe respeito meu irmão, não quero briga,
Se ela é Deus, ela mesmo me castiga

Aparecida, Guadalupe ou Maria,
Tudo isso é idolatria de quem vive a se enganar
Mas não se ofenda meu irmão, não me persiga,
Se ela é Deus, ela mesmo me castiga.

Por que mover processo na justiça?
Se ela é Deus, ela mesmo me castiga

Vídeo incorreto?