Bem aventurado é o varão
Que não se assenta
Na roda dos que escarnecem,
Pois será semelhante aos rosais
Que nos átrios do templo divino florecem

E tem prazer em meditar
Na lei do seu Senhor
Guardando-a de dia
E até quando de noite for
Qual relva plantada à margem
De um lindo riacho em pleno frescor
Jamais secarão, mas eterna será na
Presença do seu Criador

Vídeo incorreto?