Onde nasce o vento que me leva
Onde foi a nuvem que passou
Se a noite cai levanta o dia
Porque o sol se escondeu da lua

De onde vem a chuva tem mais água
Pra matar a sede de sentido
Um silencio fala mil palavras
Quem tem ouvidos ouça

Eu não sei dizer de muita coisa
So tenho perguntas que eu sei
Não quero entender pra ser mais fácil
Esse é meu jeito de poder chegar

Quero eternidade no meu canto
Vou assim correndo até chegar
Vou compreendendo o que ha de ser
O que Deus pensou e eu preciso

Quero eternidade no meu canto
Vou assim correndo até chegar
Vou compreendendo o que ha de ser
O que Deus pensou e eu preciso

Eu vim, eu sei que eu erro, errante é tudo que vivi
Eu vi, aqui neste chão, a profundidade do alto
Eu sou o alem do caminho que ando e vejo, que sigo
Eu vou pra quem colocou o coração no meu peito

Eu vim, eu sei que eu erro, errante é tudo que vivi
Eu vi, aqui neste chão, a profundidade do alto
Eu sou o alem do caminho que ando e vejo, que sigo
Eu vou pra quem colocou o coração no meu peito

Quero eternidade no meu canto
Vou assim correndo até chegar
Vou compreendendo o que ha de ser
O que Deus pensou e eu preciso

Quero eternidade no meu canto
Vou assim correndo até chegar
Vou compreendendo o que ha de ser
O que Deus pensou e eu preciso

Vídeo incorreto?