Tudo pra mim


Quando eu era jovem, eu nunca precisei de ninguém
E fazia amor só por diversão
Esses dias acabaram

Morando sozinho,eu penso em todos os amigos que eu conheço
Mas quando eu disco o número deles
Não tem ninguém em casa

Completamente sozinho, eu não quero ficar
Completamente sozinho, nunca mais
Completamente sozinho, não quero viver
Completamente sozinho, nunca mais

Difícil de ter certeza
Às vezes me sinto inseguro
E o amor, tão distante e obscuro
Continua a ser a cura

Completamente sozinho, eu não quero ficar
Completamente sozinho, nunca mais
Completamente sozinho, não quero viver
Completamente sozinho, nunca mais

Completamente sozinho, eu não quero ficar
Completamente sozinho, nunca mais
Completamente sozinho, não quero viver
Completamente sozinho, nunca mais